oi

oi
COTIDIANO

OI

OI
GEEK

oi

oi
Viagens

A Farewell Letter for 2016

QUE ANO DIFÍCIL!
Esses dias eu estava conversando com meu namorado e contando que nos últimos anos ouvi muita gente terminando o ano reclamando e falando que foram meses complicados. Eu nunca entendi muito bem aquilo, não entendia como podia alguém passar por tantas dificuldades a ponto de dizer que aquele foi o "pior ano da vida dela", mas hoje infelizmente eu acho que entendo.
Não vou dizer que foi horrível ou que eu queria que tivesse como deletar esse ano (tem como?), mas foi um ano que eu gostaria que muitas coisas tivessem sido diferente.

Pra ilustrar um pouco isso, eu peguei a minha listinha de 10 coisas pra fazer em 2016 que eu fiz no começo do ano e eu vim aqui pra dizer que eu falhei em TODOS os itens.
Mas Cíntia, o que aconteceu? Não sei definir, mas posso dizer que o mal do milênio parece que me assombrou um pouco: a Ansiedade. Então acontecia uma coisinha e eu já ficava sem sono, ficava mal, aí ficava triste.... e virava tudo uma bola de neve. Ruim falar sobre isso? É sim, mas acho legal expor algumas coisas aqui, pra que vocês que me acompanham e passam por isso saibam que você não esta sozinho.  E foi nisso que eu me apeguei.
AS PESSOAS.  A FAMÍLIA.  AOS AMIGOS.

foto: Karine
 Eu sempre fui tão independente, sempre fiz tudo sozinha, criei planos, planejei toda minha vida e pela primeira vez em 27 anos, a única coisa que eu não queria era estar sozinha. Eu me agarrei a todos os sentimentos, todas as mãos estendidas, todas as conversas trocadas, aos recadinhos, aos abraços e percebi que terapia ou remédio nenhum pode ser melhor do que isso.
Eu tive noites mal dormidas, eu tive dias tristes, e tive momentos que deveriam ter sido de extrema felicidade e eu não consegui aproveitar 100%. Sou também uma pessoa que disfarça bem e que por usar todas as forças pra aproveitar esses momentos, não queria que ninguém percebesse a bagunça que estava dentro de mim,

Mas como eu disse ali em cima, foi um ano de me apegar as pessoas e eu me apeguei. E por isso também aprendi a me abrir mais, me mostrar mais e dividir essas dificuldades com pessoas queridas e que eu sabia que poderiam me ajudar. Chorei quando precisei e ganhei abraços nos momentos mais difíceis, palavras de carinho e conforto.

Por isso minha despedida 2016 aqui no Blog é pra você que não desistiu de mim e caminhou comigo esse ano. Final de ano é sempre uma sensação de mudança e muita esperança dentro da gente. Nada significou mais pra mim do que cada pessoa que esteve ao meu lado esse ano. NADA MESMO!

Então obrigada, pra você que leu cada post aqui esse ano, que deixou um comentário, acredite faz toda a diferença <3 Esse não é pra ser um post triste, é pra ser um post real, sobre pessoas reais e uma vida real.

Vem 2017!

3 comentários

  1. Adorei as suas palavras, de fato esse ano foi bastante complicado pra muita gente, pra mim nem tanto e eu agradeço por isso mas entendo o lado dos que acharam alguns obstáculos pelo caminho. Espero que 2017 seja muito bom para TODOS. ♥

    Sorriso de Vida Blog

    ResponderExcluir
  2. Que post lindo, Cintia! <3 E que 2017 seja melhor pra todos nós!

    ResponderExcluir
  3. que post lindo, miga! alguns anos são meio como um tapa na nossa cara mesmo, já passei por isso de acabar o ano meio desnorteada, sabe? 2014 e 2015 meio que foram assim. mas enfim... o bom é que tudo passa, a vida vai se renovando e vamos seguindo. torcendo aqui pro seu 2017 ser maravilhoso e pode sempre contar comigo u-)

    ResponderExcluir

Todos os comentários que desrespeitarem as regras a seguir poderão ser desaprovados:
• Agressões verbais despropositadas.
• Ataques verbais ou ameaças.
• Propaganda despropositadas.
• Derivação excessiva do tema do artigo